Resistência de Materiais

Equipa docente:    
Outro departamento - Responsável
 
Cursos:    
Licenciatura em Engenharia Geológica - 3º Ano
 
Objectivos:    

1. Proporcionar aos alunos os conhecimentos básicos de Mecânica dos sólidos com algumas aplicações particulares da Mecânica dos solos e das rochas, nomeadamente introduzir os conceitos de tensão, deformação, relações constitutivas e critérios de cedência e de rotura.
2. Proporcionar aos alunos os conhecimentos básicos de Mecânica dos materiais, nomeadamente introduzir os conceitos de esforços internos, diagramas dos esforços e a distribuição da tensão e da deformação na secção transversal correspondente.
 
Programa:    

Mecânica dos sólidos com algumas aplicações particulares da Mecânica dos solos e das rochas

    Tensão
    Deformação
    Comportamento mecânico dos materiais
    Critérios de cedência e de rotura
    Tensões nos solos causadas pelas cargas na superfície

Mecânica dos materiais

    Conceito dos esforços internos das peças lineares
    Esforço normal, tensão normal e extensão
    Torção, tensão de corte e ângulo de rotação
    Flexão, tensão normal e raio de curvatura
    Esforço de corte, ligações das peças mecânicas
    Vigas sujeitas às cargas transversais
    Deformada e deslocamentos
    Vigas sobre apoio elástico
    Encurvadura

 
Requisitos:    

Os alunos tem que ter as noções básicas da Mecânica Aplicada adquiridos, nomeadamente tem que saber o conceito do equilíbrio e do centro de massa ou seja centróide no caso das formas geométricas, das forças concentradas e das cargas distribuídas, diagrama dos esforços internos em estruturas simples. Não se exigem muitos conhecimentos da Análise Matemática, excepto de gráfico das funções, integração dos polinómios, cálculo matricial e métodos de resolução de sistemas de equações algébricas lineares, homogéneos e não-homogéneos.
 
Métodos de Ensino:    

O ensino é baseado em aulas teóricas e práticas. São ainda reservadas algumas horas semanais de apoio aos alunos com a finalidade de esclarecer dúvidas. As aulas teóricas têm por objectivo ensinar aos alunos os conceitos teóricos, sendo a sua aplicação ilustrada através da resolução de exemplos simples e relevantes para a compreensão da matéria. A componente teórica das aulas é elaborada pelo docente através de apresentações em PowerPoint. Os alunos têm à sua disponibilidade os acetatos durante a exibição teórica. As aulas práticas visam complementar a parte teórica da matéria. É incentivada participação activa dos alunos nas aulas práticas. Conceitos adicionais serão ilustrados numa aula de laboratório experimental e numa de laboratório computacional.
 
Métodos de Avaliação:    

Avaliação contínua com possibilidade de dispensa de exame

1. Frequência
Não serão avaliados os alunos aos quais não foi concedida a frequência. Os alunos sem frequência não serão admitidos a exame de qualquer época. A frequência da disciplina será concedida aos alunos que satisfaçam todas as condições de 1.1 a 1.4.

1.1 O número de faltas não justificadas às aulas práticas não poderá ultrapassar 3. O original de cada justificação deverá ser entregue na Repartição académica, uma cópia deverá ser entregue a um docente da disciplina. Contudo a presença ou falta na primeira semana não afecta o número estabelecido acima. Esta condição não se aplica aos trabalhadores estudantes.

1.2 Presença no ensaio e elaboração do relatório do trabalho experimental. Data limite de entrega: Exame de época normal.

Alunos repetentes
Qualquer componente da frequência de 1.2 durante o corrente ano lectivo, poderá ser admitido a exame caso tenho sido admitido em ano anterior.

2. Avaliação
Os testes e/ou o exame serão compostos por uma prova escrita.

2.1. Testes
Serão efectuados dois testes facultativos avaliados numa escala de 0 a 20, sendo a nota expressa com uma casa decimal. A média da nota destes dois testes substítui a nota de exame.

Cálculo da nota final:
NF=0,2*NE+0,8*Npar

Onde:

NF: nota final, arredondada ao número inteiro

NE: nota do relatório experimental

Npar: média dos testes ou exame

Serão aprovados os alunos cuja nota final, NF, atinge 10 ou mais valores. Os alunos aprovados por testes serão dispensados do exame.
 
Bibliografia:    

Portela, A., Silva, A., Mecânica dos Materiais, Plátano, Lisboa

Beer, F., Jonhston, E., Resistência dos materiais, McGraw-Hill

Branco, C., Mecânica dos Materiais, Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, 3ª edição, 1998

Nash, W., Resistência de Materiais, McGraw-Hill, 4ª edição, 2001

Timoshenko, S., Resistência dos Materiais, Vol I, Livros técnicos e científicos Ed. S.A. 1969
 
Carga horária:    
5h por semana