Mineralogia

Equipa docente:

Joaquim Simão - Responsável, Regência de aulas teóricas e Regência de aulas práticas

 
Cursos:    
Licenciatura em Engenharia Geológica - 1º Ano
 
Objectivos:    

Estudar minerais, a sua composição química, a sua estrutura cristalina, disposição dos elementos químicos na rede cristalina. Modos de ocorrência, factores determinantes à sua formação, associação com outros minerais nas rochas. Propriedades físicas, químicas e de natureza diversa. Identificação de minerais. Propriedades ópticas.
 
Programa:    

Princípios e métodos: Princípios da estrutura cristalina: Estrutura do átomo, classificação periódica dos elementos. Ligações químicas. Isomorfismo, Polimorfismo. Cristais: Simetria, célula unitária, estruturas. Sistemas cristalinos. Geminação. Propriedades dos minerais. Mineralogia descritiva: Classificação e estudo sistemático dos minerais. Elementos Nativos, Sulfuretos, Sulfo-sais. Óxidos, Hidróxidos. Carbonatos, Nitratos, Boratos. Sulfatos, Cromatos, Molibdadtos. Fosfatos, Arsenatos, Vanadatos. Silicatos: estruturas, identificação dos silicatos formadores de rochas. Nesossilicatos, Sorossilicatos, Ciclossilicatos, Inossilicatos, Filossilicatos, Tectossilicatos. Paragênese mineral: associações dos minerais em rochas ígneas, sedimentares e metamórficas. Mineralogia óptica Propriedades ópticas dos cristais. Índice de refracção. Substâncias isotrópicas e anisotrópicas. Observação de minerias em luz transmitida plano-polarizada, com nicóis cruzados e em luz convergente. Minerais opacos, observação em luz reflectida.
 
Requisitos:    
O aluno deverá ter conhecimentos adquiridos com a frequência das disciplinas de Geologia Geral e de Química I C.
 
Métodos de Ensino:    
Ensino em aulas teóricas e práticas em que a exemplificação dos conceitos é sempre praticada. Utilização de modelos cristalográficos, amostras de minerais para manuseio dos alunos, exibição de tipos diferentes do mesmo mineral.
 
Métodos de Avaliação:    
Métodos de Avaliação: Dois testes (Abril e Junho) representando, respectivamente, 30% e 70% da avaliação, incluindo as matérias teórica e prática É necessário um mínimo de 6 valores em cada uma das avaliações para que o aluno seja dispensado de exame. No global, a matéria teórica terá peso 6 e a prática 4.
 
Bibliografia:    
Mineralogy for Students, 3rd Ed. Longman Scientific & Technical Autor(es): Battey, M.H., 2nd. Ed., Ano: 1992
Manual of Mineral Science. Klein, C., Hurlbut, C.S. (after Dana, E.S). John Wiley & Sons. 22nd E., 641p.
 Elementos de Cristalografia, 1980. Borges, F. Sodré. F. Calouste Gulbenkian, 624 pp. Minerais, Constituintes das Rochas - Uma Introdução, 1966. Deer, W.A., Howie, R.A. & Zussman, Tradução de L.E.N. Conde. F. Calouste Gulbenkian. Mineralogy, 1959.
A Textbook of Mineralogy. Berry, L.G. & Mason, Brian. W.H. Freeman & Company, 1999.
 
Carga horária:    
2T+3P