Geologia de Engenharia

Equipa docente:    
Pedro Lamas - Responsável
 
Cursos:    
Licenciatura em Engenharia Geológica - 3º Ano
 
Objectivos:    

Os alunos com aprovação nas matérias leccionadas deverão dominar conceitos básicos de Geologia de Engenharia, as classificações geotécnicas de solos, de rochas e de maciços rochosos, bem como serem capazes de uma primeira abordagem à condução dos estudos geotécnicos para os principais tipos de obras.
 
Programa:    

Geologia de Engenharia (GE), Mecânica dos Solos e Mecânica das Rochas - a Geotecnia. Conceitos de solo e rocha em Geotecnia. Classificações para fins múltiplos e específicos.
Classificação de solos. Granulometria e plasticidade. Limites de Atterberg. Classificações textural, Unificada e AASHTO. Tipos de solos e comportamento geotécnico.
Caracterização física e mecânica das rochas. Classificações litológicas simplificadas em GE.
Descontinuidades dos maciços rochosos (MR). Diaclases e outras superfícies de baixa resistência. Diaclases: características e métodos de estudo; importância no comportamento geotécnico - deformabilidade, resistência e permeabilidade. Estudo estatístico das diaclases.
Classificação de MR da Sociedade Internacional da Mecânica das Rochas (SIMR) - estado de alteração, espaçamento entre fracturas, espessura de camadas, ângulo de atrito das fracturas e resistência à compressão uniaxial. A BGD da SIMR - simbologia e aplicação. Índices de qualidade dos MR: percentagem de recuperação e RQD.
Classificações de MR para obras subterrâneas - Barton e Bieniawski.
Estudos de sítios. Fases dos estudos e dos projectos. Recolha de informação. Estudos de gabinete. Detecção remota. Reconhecimento e objectivos. Prospecção e ensaios.
Ensaios in situ mais comuns. Boletins de registo.
Estudos de GE para barragens, obras subterrâneas, estradas, edifícios e obras de arte, aterros de resíduos, exploração de solos e agregados.
 
Requisitos:    

Aconselha-se a frequência prévia de Prospecção Geofísica e Mecânica.
É obrigatória a presença dos alunos em dois terços das aulas práticas, no mínimo, salvo se estiverem inscritos ao abrigo de estatuto especial.
 
Métodos de Ensino:    
Sessões teóricas com apoio de meios audiovisuais. Sessões práticas incluindo trabalhos de laboratório e de campo, resolução de problemas e visitas de estudo.
 
Métodos de Avaliação:    
Exame final.
 
Bibliografia:    
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA de GEOLOGIA DE ENGENHARIA (1998) - Geologia de Engenharia. Páginas e Letras, Editora Gráfica, São Paulo.
HOEK E., KAISER P. K. & BAWDEN W. F. (1995) - Support of underground excavations in hard rock, A. A. Balkema, Rotterdam, pp. 27-56 e 127-164.
INTERNATIONAL SOCIETY FOR ROCK MECHANICS (1977) - Suggested methods for the quantitative description of discontinuities in rock masses. Commission on Standardization of Laboratory and Field Tests, Lisbon.
INTERNATIONAL SOCIETY FOR ROCK MECHANICS (1981) - Basic geotechnical description of rock masses. Commission on Classification of Rock and Rock Masses, Document n. 1, Lisbon.
VALLEJO L. I. G. (ed.), (2002) - Ingeniería geológica. Prentice Hall, Madrid.
 
Carga horária:    
2T+2P